Comprar peças para um PC ou adquirir uma máquina nova é sempre um processo que exige bastante pesquisa na internet para saber o que cada hardware tem para oferecer. A melhor forma de saber se determinado computador (ou componente) atende às suas necessidades é procurar reviews na internet, como as postadas pelo Tecmundo.

As análises feitas nas máquinas normalmente envolvem diversos testes exaustivos tanto no hardware quanto no software, utilizando programas específicos de benchmark. Assim, é possível ter uma ideia de como será o desempenho da máquina para atividades mais pesadas, como a edição de vídeo e imagem ou mesmo jogos.

Encontrar benchmarks feitos com máquinas rodando Linux não é tão comum assim, mas existem diversos aplicativos para a execução dessa tarefa. Abaixo você confere três ferramentas para testar o seu computador e algumas dicas de como utilizá-las.

As aplicações

Hardinfo

A primeira ferramenta da lista é uma das mais utilizadas e citadas pelos frequentadores de fóruns de benchmark. O Hardinfo traz diversas funcionalidades para diagnósticos de hardware e software, além de centenas de informações a respeito da sua máquina. A instalação da aplicação pode ser feita diretamente pela central de programas da distro que você utiliza.

O programa divide suas funcionalidades em quatro categorias principais: Computer, Devices, Network e Benchmark. Como o foco deste artigo é o benchmark no Linux, será dada maior atenção ao último grupo de ferramentas, mas você pode conferir uma breve descrição das demais opções logo abaixo.

Computer

A primeira categoria, identificada como “Computer”, coleta informações relacionadas ao sistema e aos usuários registrados. Entre seus subitens, merecem destaque as opções para a exibição de informações sobre o Kernel e a distribuição Linux que estão sendo utilizados no PC.

Devices

Essa seção do Hardinfo é responsável pelos componentes físicos existentes no seu computador. Uma boa alternativa para você descobrir informações relacionadas à placa de vídeo, bateria, sensores e demais dispositivos conectados ao computador.

Network

A categoria network identifica as conexões de rede utilizadas pelo computador, incluindo informações sobre tabelas de roteadores, diretórios compartilhados, organização de endereços IP, servidores DNS e estatísticas de tráfego. O lugar certo para ficar sabendo como a sua rede está se comportando e se há algum problema de desempenho.

Benchmark

O Hardinfo oferece seis ferramentas distintas para a realização de testes no seu computador. Cada uma delas roda um teste diferente e estressa a CPU de forma distinta das demais. Os testes consistem na execução de cálculos e tarefas consideradas complexas.

A ferramenta CPU Fibonacci, por exemplo, faz a análise com base no tempo que o computador levou para executar a sequência de Fibonacci até o 42º elemento. Já o CPU N-Queens utiliza o problema combinatório exponencial das oito rainhas para medir a capacidade do processador.

Para iniciar a execução de qualquer uma das ferramentas de benchmark, basta clicar sobre ela. Ao final do processo, os resultados são exibidos na coluna mais à esquerda da tela. A unidade de medida dos dados e os valores de referência são exibidos mais abaixo. Dessa forma, fica mais fácil compreender as informações geradas pelo Hardinfo.

GtkPerf

O GtkPerf foi criado para testar o desempenho da parte gráfica de um computador. A aplicação pode ser baixada diretamente pela central de softwares de boa parte das distribuições Linux, principalmente aquelas baseadas no Debian.

A ideia do GtkPerf é executar uma sequência de testes comuns, como abrir caixas de diálogo, simular cliques do mouse, navegar por textos e desenhar uma série de imagens de diversas cores e formatos na tela. Dessa forma, é possível mensurar a velocidade dos dispositivos gráficos instalados na máquina.

Para isso, a plataforma realiza uma série de atividades comuns do dia a dia de uma pessoa que utiliza o PC. As simulações acontecem de forma bem rápida, mas é possível notar, mais ao final do processo, que uma série de linhas, círculos e outras imagens são desenhados na janela do programa.

Durante a execução dessas tarefas, um cronômetro interno do programa é responsável por medir o tempo que o computador levou para finalizá-las. Com base nessa medida, é possível se ter uma ideia de quão rápido é o processamento gráfico do PC.

Os resultados do GtkPerf exibem o tempo total que a máquina levou para executar todas as tarefas e também a medição feita para cada atividade separadamente. Isso permite que você analise o tipo de processamento que exigiu mais do chip gráfico.

Phoronix Test Suite

Considerado um dos melhores aplicativos do gênero no mercado, o Phoronix Test Suite é bastante utilizado por sites especializados em benchmark, como Tom’s Hardware e ASELabs, para a análise de desempenho dos computadores.

Embora a interface gráfica seja bem mais simples do que a apresentada pelos demais programas, o Phoronix Test Suite realiza muito mais testes no hardware do que seus concorrentes. Por isso, ele é um dos mais utilizados.

Na primeira tela exibida pelo aplicativo, é possível visualizar diversas informações a respeito da máquina, tais como: processador, placa-mãe, memória RAM, disco rígido, placa gráfica, áudio e dados de rede. Logo abaixo desses dados, há um pequeno menu com as opções de execução do  Phoronix Test Suite.

Para iniciar a execução do benchmark, é só digitar o número 1 e pressionar a tecla “Enter”. Os demais passos são executados automaticamente pelo programa. Se for necessário modificar alguma configuração, as instruções detalhadas são mostradas na tela.

Ao final do benchmark, os resultados são exibidos em uma guia do seu navegador. Caso você queira, é possível submeter os dados obtidos pelo Phoronix Test Suite ao site OpenBenchmarking.org.

.....

Essas três ferramentas não são as únicas desenvolvidas para Linux, mas são as mais utilizadas pela comunidade e pelos sites especialistas em análises de hardware. Agora que você já conhece as características de cada uma, aproveite para realizar testes no seu computador e ver como ele se sai.

Cupons de desconto TecMundo: