A Microsoft tem estimulado, de forma bastante veemente, a atualização do Windows para a última versão do sistema. Prova disso foi o recado dado por Bryan Roper, um dos executivos do Windows Team: milhões de pessoas vão perder o upgrade gratuito, e, depois do dia 29 de julho, terão então de desembolsar quase R$ 500 (saiba mais).

Fato é que quem já baixou o Windows 10 teve de reaprender – sem grande esforço – a usar alguns recursos do computador. Acontece que as novas configurações afetam as preferências dos softwares atualizados, o que resulta, por exemplo, na substituição de alguns dos programas usados pelo usuário. Não se deu bem com o Edge ou com o reprodutor de mídias Groove? Ou que tal usar outro aplicativo de câmera ou email?

Neste tutorial, você vai aprender a configurar todos os aplicativos-padrão no Windows 10. Certifique-se de fazer o download dos seus programas favoritos e então siga o passo a passo abaixo para personalizar as ações do seu PC!

Como alterar os apps-padrão no Windows 10

Clique sobre o ícone de janela, à esquerda da Barra de tarefas, ou aperte o botão “Win” para abrir o Menu Iniciar. Em seguida, clique em “Configurações”.

Acesse as "Configurações"

Abra a opção “Sistema” e, na tela aberta, clique sobre “Aplicativos padrão”. Agora, basta clicar sobre o programa exibido pelas categorias de serviços e então definir a aplicação desejada.

Abra a opção "Sistema"

É possível configurar um mesmo player para executar músicas e vídeos

Você poderá alterar as preferências de email, mapas, player de música, visualizador de fotos, player de vídeo e navegador web. É possível, ainda, selecionar os aplicativos-padrão por tipo de arquivo ou por protocolos, conforme indicam as opções exibidas abaixo da lista de programas.

Basta clicar sobre a categoria de serviços e selecionar ajustar outro app

Para resgatar os apps sugeridos pelo Windows 10, clique em “Redefinir”. Fácil, não?

...

Qual player de músicas e vídeos você usa em seu Windows 10? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: