A Displax, uma empresa portuguesa de tecnologia, anunciou que está prestes a lançar oficialmente um produto chamado Skin (Pele), que pode ser utilizado como uma tela de até 120 polegadas para controlar computadores com recursos de compatibilidade touchscreen.

O Skin é na verdade uma tela criada com um material muito parecido com filme, que pode ser colocada sobre madeira, plástico ou concreto para ser utilizada. Ela poderá ser encontrada em tamanhos variados, sendo que esses tamanhos devem figurar entre as 30 e as 120 polegadas.

O mais legal desse material utilizado para a fabricação do produto é a transparência, que pode chegar a 98%, o que torna o Skin também compatível com superfícies de vidro. Quando em vidros, o Skin ainda consegue captar os comandos ordenados por cima da superfície, mesmo que a tela esteja no lado contrário do material.

Conexões USB e seriais

Divulgação/Displax

Estas telas não precisam estar sobre superfícies planas, pois são flexíveis e se adéquam a locais curvilíneos, garantindo ainda mais a versatilidade do Skin. A flexibilidade é garantida, graças ao complexo sistema de polímeros e grades de fios nanotecnológicos.

Compatíveis com dois dos principais sistemas operacionais da atualidade (Windows e Linux), as telas devem atingir uma enorme gama de usuários, caso os testes sejam favoráveis e os valores não sejam tão astronômicos quanto a maioria dos dispositivos touchscreen do mercado.

Produto em funcionamento demonstrativo

Divulgação/Displax

Os comandos permitidos pela tela são alguns dos principais comandos que os mouses oferecem para os usuários: movimentação de cursor, ativação de janelas, ativação de arrasto, arrastar e soltar e duplo clique, com máximo de 1,9% de erros na precisão do toque.

É importante lembrar que as telas não podem ser colocadas sobre áreas metálicas, pois isso pode gerar uma série de conflitos no funcionamento do Skin. Para conectá-lo ao computador, o produto será vendido com conexões USB e seriais.

Cupons de desconto TecMundo: