O uTorrent está entre os clientes de BitTorrent mais populares do mundo (com mais de 150 milhões de usuários) e, por isso, o que vamos falar pode não agradar bastante gente. A empresa diz que testará várias alternativas de um novo modelo de negócios baseado em assinaturas durante as próximas semanas, porém garante que haverá opções para bolsos de todos os tamanhos.

Com um número tão grande usuários, as possibilidades de receita são enormes. Contudo, como bem sabemos, o uTorrent é totalmente gratuito. Até o momento, o uTorrent obtém receita através das propagandas que são exibidas no software e pelos programas extras, ofertados juntos com download do serviço.

Esse modelo de receita não é considerado o ideal pelos gestores, já que prejudica a experiência dos usuários Premium. “Queremos encontrar um modo melhor, que agregue valor ao nosso produto e aos nossos usuários...”, diz o comunicado. Por enquanto, não foi revelado o valor dessas assinaturas e nem o que podemos esperar exatamente, porém nos próximos meses teremos algumas mudanças significativas no uTorrent (e é provável que existem taxas mensais ou anuais). Qual a sua opinião sobre um uTorrent pago?  Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: