A Samsung anunciou recentemente que tinha terminado o desenvolvimento da versão 3.0 do Tizen, o seu sistema operacional próprio para smartphones, smartwatches e smart TVs. Agora, a empresa já estaria se preparando para lançar o primeiro celular rodando esse novo SO. Internamente, o tal dispositivo seria conhecido como “Pride” e deve chegar aos mesmos mercados em que o atual Samsung Z2 está sendo vendido.

Isso significa que é muito improvável a Samsung trazer esse dispositivo para cá, uma vez que, por enquanto, o Tizen foca em mercados em desenvolvimento. Como o Brasil já tem um mercado maduro no ramo dos smartphones, é difícil imaginar uma plataforma nova e pouco conhecida conseguir ganhar espaço por aqui, ainda mais com o lançamento de apenas um celular.

Comandos de voz

Seja como for, parece que a estratégia da coreana com o Pride é convencer os usuários a comprá-lo por conta dos comandos de voz. Ele deve ser capaz de realizar uma série de atividades sem que o usuário interaja com a tela, mas ainda não sabemos se isso funciona tão bem quanto o Google Now nos Androids da marca e quais línguas estariam disponíveis.

Como o Pride deve ser lançado especificamente para mercados de crescimento, como Índia, Bangladesh e Nigéria, é provável que a Samsung foque no desenvolvimento dos comandos de voz para esses locais.

Ainda não temos informações a respeito do hardware, mas acredita-se que o Pride possa dar as caras na MWC 2017, que começa no fim de fevereiro. Fique ligado na nossa cobertura completa do evento.

Cupons de desconto TecMundo: