(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Você pode não saber quem foram os fundadores da Leowe ou quais os grandes produtos lançados por eles ao longo das décadas de história da empresa (que já existe desde 1923). Mas há algo sobre esta companhia que precisa ser lembrado: ela foi a primeira fabricante de televisores eletrônicos a colocar produtos do tipo no mercado.

Isso ocorreu em 1951, mais de 60 anos atrás. Agora, em 2013, a empresa deixa claro que vai investir fortemente em exclusividade. Nos últimos anos, a fabricante alemã mostrou bastante força no mercado europeu, garantindo que seus consumidores pudessem ter TVs excelentes e com designs diferentes dos padronizados pela grande indústria.

Durante sua apresentação na IFA Press Conf, Matthias Harsch (o atual CEO da Leowe AG) deixou claro que os televisores da marca não são para o mercado comum, mas sim para consumidores que não se importam em pagar mais pelo "direito de serem exclusivos". Segundo o executivo, com os aparelhos da Leowe AG, "todos se tornam favoritos".

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Sistema de som 3D

Apesar de não ter falado sobre um televisor específico, Harsch dedicou alguns minutos de sua apresentação para falar sobre o Leowe 3D Orchestra, um Home Theater que realmente promete grandes feitos. Trata-se de um conjunto de caixas que permite a transmissão de som em 360 graus, garantindo alcance total em qualquer tipo de ambiente.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Mais do que isso, o conjunto também utiliza conexões sem fio para permitir que os consumidores possam utilizar seus kits sem precisar de fios espalhados pela casa. Vale dizer que isso também se estende às tomadas, pois todo o Leowe 3D Orchestra funciona por baterias recarregáveis.

Sem apostas em interatividade

Apesar de Matthias Harsch reconhecer que as smart TVs estão em constante crescimento, ele diz que a interatividade nos televisores deve ser limitada. Para ele, os televisores não devem ser uma ferramenta de entretenimento ativo, pois devem oferecer conforto e descanso aos usuários. Ou seja, nada de controle por gestos ou grandes aplicativos interativos nos próximos anos.

O Tecmundo esteve na Itália para acompanhar a IFA Press Conference a convite da Messe-Berlin.

Cupons de desconto TecMundo: