O formato 3D ativo pode se tornar, já no próximo ano, padrão na construção de óculos 3D. Ao menos essa é a aposta da Samsung, que planeja que a adoção do formato possa ser seguida por outras companhias. Além disso, a utilização do 3D ativo seria um fator decisivo para derrotar o 3D passivo, utilizado nos aparelhos da LG e da Philips.

“No próximo ano, haverá um comitê para definir os padrões ideais para a tecnologia ativa e, com isso, o formato deve se consolidar mais rapidamente e vencer a disputa”, explica Sung Yoon, vice-presidente da área de displays da Samsung.

Segundo o executivo, a tecnologia ativa detém 90% do mercado nas vendas de televisores e conta com o apoio dos principais fabricantes. Quanto aos televisores 3D que dispensam o uso de óculos, a Samsung acredita ser ainda muito cedo para adotar esse tipo de formato.

“Para telas grandes, o 3D sem óculos ainda é muito caro e pouco eficiente. Nossos engenheiros estão trabalhando em soluções mais interessantes, mas melhores resultados devem ser percebidos apenas num futuro distante”, completa Roman Cepeda, diretor da área de displays visuais da Samsung.

Para entender como funcionam os diferentes formatos de 3D, vale a pena conferir mais sobre o assunto neste artigo do Tecmundo.

Cupons de desconto TecMundo: