Na véspera da final da UEFA Euro 2016, um evento que atraiu grande atenção em todo o mundo, a patrocinadora Hisense mostrou ao mundo que é possível inovar no seguimento de televisores. A empresa, considerada a maior fabricante de TVs da China em volume de vendas, cumpriu a sua promessa de apresentar em Paris o primeiro televisor de cinema a laser grande angular 4K, chamando muita atenção do público por diversos aspectos, especialmente a promessa de preço baixo.

Televisores LCD tradicionais com luz traseira em LED dominam o mercado, com telas maiores e bem mais caras do que a apresentada pela Hisense. Esse modelos com resolução 4K de 100 polegadas geralmente custam cerca de US$ 90 mil (aproximadamente R$ 296 mil) por unidade. O televisor a laser lançado pela fabricante chinesa tem um preço de pouco mais de US$ 10 mil (R$ 32 mil) por unidade, quase um décimo do preço de venda de TVs LCD com telas do mesmo tamanho. O projetor a laser LCOS 4K lançado anteriormente pela japonesa Sony custa US$ 50 mil (R$ 164 mil) por unidade.

Evento de apresentação da Hisense em Paris para o primeiro televisor a laser grande angular com resolução 4K do mundo

Além do preço

Embora a Hisense esteja orgulhosa em dizer que o preço relativamente baixo é o principal destaque desse televisor, a empresa levanta outros pontos importantes. A tecnologia a laser da fabricante alcançou o que o mundo não conseguiu com 217 tecnologias patenteadas, excelentes mecanismos ópticos, lentes de alta resolução e processos de fabricação de alta precisão, proporcionando leveza e saturação de cor iguais ou superiores aos de televisores LCD. O mais surpreendente é que o televisor da Hisense.

"O objetivo final das tecnologias é recriar vantagens de custo", afirmou animadamente em discurso o vice-presidente global do Hisense Group, Lin Lan. Possibilitar que cada família possa arcar com um cinema em casa é o sonho da empresa e uma estratégia para a Hisense assumir uma posição de liderança entre fabricantes de televisores. Após realizar o sonho, a Hisense espera tornar-se a líder no mercado mundial de TVs em cores. Será que ela consegue?

Cupons de desconto TecMundo: