A Vodafone, maior operadora de telefonia móvel do Reino Unido e segunda maior do mundo (ficando atrás somente da China Mobile) pretende se estabelecer no mercado brasileiro adquirindo a Vivo, a Claro ou a TIM – as três empresas lideram o ramo de telecomunicações no país, de acordo com a Anatel.

Essa informação foi divulgada pelo jornal O Estado de São Paulo, em uma reportagem publicada nesta segunda-feira (18) na coluna Panorâmica. De acordo com o periódico, o “alvo preferencial” da Vodafone é a TIM, que atualmente está em segundo lugar no top 3 de maiores operadoras de telefonia móvel do Brasil – ela detém 26,9% do mercado nacional, enquanto a Vivo lidera com 28,7% e a Claro fica em terceiro lugar com 24,9%.

O jornal afirma ter obtido documentos nos quais é possível confirmar que a Vodafone tem forte interesse no cenário brasileiro, mas não acha que vale a pena entrar no país através do leilão da faixa 4G de 700 MHz. Em vez disso, a companhia procura se estabelecer através de uma estrutura já consolidada na região. Vale observar que a Vodafone já atua no Brasil desde 2013 em parceria com a Datora Telecom, mas somente no ramo de soluções corporativas machine-to-machine.

Cupons de desconto TecMundo: