Na semana passada, o Tecmundo noticiou que a Telefônica — que, no Brasil, é proprietária da Vivo — estaria interessada em comprar a TIM Brasil, que é da Telecom, de modo que uma oferta estaria para ser feita. Apesar disso, essas informações ainda eram consideradas boatos, já que nada foi confirmado pelas empresas envolvidas na história.

Acontece que, nesta segunda-feira (6), a Telefônica informou publicamente que não tem uma oferta para fazer com o objetivo de comprar a divisão brasileira da Telecom. De acordo com informações do site G1, a companhia afirmou que “não faz parte deste veículo e que não tem detalhes de qualquer tipo sobre essa potencial transação”.

A Telefônica aproveitou para incluir que não chegou a entrar em contato com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para acertar qualquer detalhe sobre uma possível compra. Essa questão é de interesse do órgão, já que a empresa faz parte do comando da Vivo e da TIM, o que iria resultar em competição desleal ou o começo de um provável monopólio, por exemplo.

Rumores com efeitos positivos

Outro rumor indicava que a Telefônica iria se juntar à América Móvil e Oi para assumir o controle da TIM Brasil, algo que de imediato foi barrado pelo Cade. No entanto, mesmo assim esses indícios de grandes transações financeiras fizeram com que o valor das ações dos envolvidos nessa história “inflasse”.

Por conta disso, o valor dos papéis da Oi subiram 10%, enquanto os da TIM marcaram 6,27% de crescimento. Contudo, por conta da afirmação da Telefônica, não se sabe se os bons resultados vão continuar a acontecer.

Cupons de desconto TecMundo: