(Fonte da imagem: Reprodução/Digital Trends)

Uma das características que faz com que seja mais “difícil” digitar em um teclado virtual é o fato de que não sentimos a posição das teclas, bem como não é intuitiva a resposta sensorial que recebemos quando tocamos em um botão na tela.

Entretanto, se depender da Kyocera, essa situação deve mudar em breve. A empresa informou nesta semana que desenvolveu um novo tipo de tela capaz de fazer com que o usuário sinta a textura dos botões que são exibidos durante a execução de um software.

Como funciona?

A novidade é possível graças à técnica de piezoeletricidade, que utiliza a eletricidade resultante da pressão do toque dos dedos na tela para criar uma vibração intensa e com velocidade extremamente alta. Essa “área de vibração” resulta na sensação de que você está em contato com alguma coisa física, no caso o botão formado na tela.

Ainda não há previsão para o lançamento das primeiras telas que adotem essa tecnologia, entretanto ela é aguardada com muita ansiedade pela indústria de eletrônicos. O recurso poderia ser muito útil em tablets, ampliando as possibilidades dos aparelhos que hoje estão longe de serem considerados “ideais” por aqueles que digitam textos mais longos.