Durante a conferência Interaction 2011, foi apresentada uma tela flexível sensível ao toque. A novidade foi desenvolvida por um grupo de pesquisadores, os quais tiveram a colaboração de membros da Universidade de Osaka.

O diferencial dessa tela está no material de construção — que não é exatamente flexível, visto que não pode ser dobrado. O truque está na detecção dos movimentos, que são interpretados graças ao tipo do material utilizado. A tela então movimenta as imagens, flexionando as bordas e focando a maior parte do espaço no conteúdo que realmente interessa ao utilizador.

A demonstração realizada na conferência Interaction 2011 aproveitou o Google Maps para exibir uma das utilidades da nova tela. Os pesquisadores que desenvolveram esse protótipo estão trabalhando em um recurso para melhorar a função de zoom. Não há previsões de aplicação da nova tela, todavia os desenvolvedores relataram a possibilidade de utilização em dispositivos com displays de tamanhos reduzidos.

Cupons de desconto TecMundo: