A TomTom, companhia holandesa especializada em mapeamento de estradas e levantamento de informações de tráfego, se juntou à empresa alemã de engenharia e eletrônica Bosch para criar mapas rodoviários superprecisos. O foco desses novos mapas, que serão detalhados até a escala dos decímetros, serão os carros autônomos que as duas empresas esperam já estar circulando pelas ruas até o ano de 2020.

Até o fim deste ano, a iniciativa já deve ter mapeado todas as autoestradas e outras vias similares a essas em toda a Alemanha. Em seguida, o plano é fazer o mesmo com toda a Europa e em seguida na América do Norte, mas ainda não há um prazo para isso acontecer. Na verdade, a precisão dos mapas gerados pelas duas companhias já está sendo testada, em uma estrada alemã (A81) e em outra americana (I-280).

Os mapas terão que ser detalhados ao ponto de o sistema de navegação dos carros saberem exatamente em que pontos existem características diferentes na rodovia, como divisões de pista, por exemplo. Além disso, os veículos utilizados para o mapeamento enviarão constantemente informações a respeito das estradas para uma central que atualizará os dados em todos os mapas utilizados pelos carros autônomos. Isso visa aumentar a segurança e a eficiência de todo o sistema.

É provável que, no futuro, as empresas acabem vendendo os mapas e equipamentos utilizados no desenvolvimento desse projeto, de forma semelhante ao que está acontecendo com a Nokia e o HERE Maps. Isso seria particularmente benéfico para a TomTom, que  hoje disputa espaço no ramo de GPS com praticamente qualquer pessoa que tenha um smartphone.

Como será o trânsito quando os carros autômatos começarem a circular por aí? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: