Polvo camuflado.

Fonte da imagem: Photo Personalle.

A U.S. Navy revelou um investimento de US$ 5 milhões em uma equipe de pesquisadores da Duke University, instituição de ensino superior norte-americana, para que sejam desenvolvidas tecnologias militares baseadas no sistema de camuflagem de cefalópodes.

Os cientistas, liderados por Sonke Johnsen, estão estudando a mecânica de como as lulas e os polvos utilizam órgãos sensíveis à luz para manipular as células luminosas e criar camuflagens naturais e dinâmicas. O investimento realizado é válido para os próximos cinco anos e deve resultar em aparatos tecnológicos para os campos de batalha.

De acordo com Johnsen, algumas espécies de moluscos podem lançar camadas de pigmentos sob a pele, permitindo que sejam confundidos com o ambiente em momentos de perigo. O pesquisador explica que os animais não tornam-se “invisíveis”, porém, sua camuflagem é extremamente eficiente. A intenção da U.S. Navy é transpor isso para os equipamentos de defesa dos EUA.

Segundo a financiadora, as forças armadas do país não querem apenas descobrir uma nova tecnologia bélica, mas conhecer melhor a vida marinha.

Cupons de desconto TecMundo: