Versão final do Pelican terá quase o dobro do tamanho desse protótipo (Fonte da imagem: Reprodução/Aeroscraft)

Se depender do Pentágono, os dirigíveis estão de volta. Pelo menos é isso o que sugere a nova criação das Forças Armadas dos Estados Unidos. Criado pela empresa Aeroscraft, o dirigível acima possui 70 metros de comprimento e pode carregar cargas com até 10 toneladas, usando apenas um terço do combustível que seria usado por um avião.

Batizado de “Pelican” (pelicano), a aeronave vem sendo construída durante anos, sob a orientação do Pentágono, que também vê o projeto como uma possível ferramenta para missões de monitoramento e reconhecimento de regiões inimigas.

O protótipo exibido na imagem e vídeos deste artigo é muito menor do que será a versão final do Pelican, que deve medir cerca de 137 metros de comprimento e levantar cargas de até 66 toneladas. Com a aparência de um disco voador prateado, o dirigível também contará com tecnologias que dificultam a sua detecção por radares e tecnologias similares.

Cupons de desconto TecMundo: