Todos nós já tivemos algum daqueles momentos em que simplesmente só queremos empurrar um problema com a barriga e deixar para encarar a dificuldade mais para frente. Agora, uma associação norte-americana de motoristas profissionais resolveu que essa era a atitude a ser tomada e pediu para que o governo do estado de Nova York decrete o banimento de todos os veículos autônomos por 50 anos.

De acordo com a CNN, o pedido foi feito oficialmente pela Upstate Transportation Association. Enquanto isso, outro grupo chamado Independent Drivers Guild se posicionou afirmando que vai continuar pressionando os legisladores nova-iorquinos para que mantenham a proibição de carros sem motoristas que está em vigor atualmente.

Modo avestruz: ligado

O argumento principal por trás do banimento é impedir a provável perda de empregos no mercado de motoristas profissionais. Companhias como a Uber e a Lyft provavelmente passarão a empregar veículos autônomos assim que eles se tornarem comercialmente viáveis, já que é mais barato comprar e manter apenas um carro do que contratar um ser humano. Além disso, espera-se que carros que andem sem ajuda reduza bastante o número de acidentes.

Adiar a questão só serve para empurrar o problema para gerações futuras

Da forma como foi proposta, a solicitação de banimento dos veículos autônomos não faz absolutamente nada para resolver a questão da perda de empregos, apenas adia o problema por 50 anos e o deixa para as próximas gerações encararem. A automação vem tomando empregos desde a época da Revolução Industrial e é algo com que todos temos que lidar eventualmente, mas enfiar a cabeça na areia e ignorar os benefícios que ela traz não parece ser a solução.

Cupons de desconto TecMundo: