A Volkswagen está investindo pesado em sua participação no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, marcado para acontecer no espaço do São Paulo Expo entre os dias 10 e 20 de novembro. Além de ser a marca com o maior espaço no evento, a companhia pretende revelar 12 lançamentos por lá e oferecer experiências interessantes de realidade virtual e aumentada. O TecMundo foi convidado pela empresa para ir até sua fábrica em São Bernardo do Campo (SP) e conferir de antemão parte do que ela vai mostrar na ocasião.

Em seu estande no Salão, a fabricante desafiará os visitantes a mergulhar em três experiências de VR e uma de AR, suportadas pelo uso das tecnologias do Oculus Rift, HTC Vive, Samsung Gear VR e Microsoft HoloLens. Mais do que simplesmente permitir o uso dos headsets tecnológicos, a empresa preparou experiências customizadas para cada uma dessas plataformas e integrou elementos de 4D a elas. Confira os detalhes a seguir:

  • TSI Xtreme: combinando as capacidades de realidade virtual do Oculus Rift com uma esfera de simulação de movimentos capaz de reproduzir a força G, a empresa levará os interessados a passear por dentro de um de seus motores TSI com direito a rajadas de vento real e som binaural em 360º. Serão quatro pessoas participando por vez, com imagens transmitidas para mostrar suas reações para quem estiver na fila;
  • #VWeVc: usando fones de ouvido e o Gear VR da Samsung, os visitantes serão levados para acompanhar o funcionamento de uma linha de montagem da empresa, conhecendo todas as tecnologias e diferenciais de cada modelo de carro. Depois disso, os visitantes são virtualmente transportados à impressionante garagem Autostadt da Volkswagen, que fica na Alemanha. Efeitos 4D com ventiladores, aspersores e holofotes também não faltam aqui;
  • Desafio Cross: quem quiser conhecer a nova Saveiro Cross no estande da Volkswagen terá que encarar uma missão usando um HTC Vive. Com os óculos, os participantes serão transportados para um ambiente de simulação inspirado no Grand Canyon, onde terão que passar por curta passarela de 4,5 metros do comprimento – que no mundo real será colada ao chão – a para resgatar a chave do carro do bico de um Falcão pousado em uma plataforma. A experiência será capturada por uma câmera e a pessoa receberá uma foto inserida no ambiente VR;
  • Up! HoloView: trazendo algumas das primeiras unidades do HoloLens a chegar ao Brasil, a fabricante oferecerá uma experiência de realidade aumentada com o aparelho no Salão. Unindo conceitos de IA, AR, reconhecimento de voz e de gestos, a Volkswagen explicará um pouco da tecnologia do up! TSI mostrando sua previsão de como será o processo de venda de carros em um futuro próximo, usando hologramas interativos. No fim, os participantes poderão testar o veículo em uma pista de testes real no evento.

Além da realidade virtual e aumentada, a Volkswagen também empregará outras tecnologias para mostrar um pouco mais de seus produtos e iniciativas no Salão do Automóvel. Alguns exemplos são o simulador de direção GTI Power Station e a estação Photoshooter de selfies energizadas por bicicletas, entre outras coisas.

Atrações sobre rodas

Somando-se a todas as atrações tecnológicas utilizadas pela empresa, o estande da Volkswagen também exibirá nada menos do que 30 veículos da empresa. Distribuídos entre os pilares “conectividade”, “robustez” e “performance e eficiência energética”, os veículos incluem tanto as novidades que a marca lançará no Salão quanto modelos que já estão no mercado.

O estande da Volkswagen também exibirá nada menos do que 30 veículos da empresa

Praticamente todos os automóveis exibidos no estande da fabricante estarão totalmente acessíveis para os visitantes, incluindo os lançamentos – as únicas exceções são os carros-conceito, que não poderão ser tocados pelo público. Antecipando algumas das novidades que levará para o Salão, a Volkswagen nos deu mais detalhes sobre sete dos carros que apresentará por lá:

  • Golf GTE Sport: com uma carroceria feita em grande parte de fibra de carbono, o carro híbrido tem um conjunto de três motores com potência somada de 400 cv e torque total de 68,31 kgfm. No modo elétrico, o carro-conceito tem autonomia de até 50 km sem emissões. Ativando seu modo esportivo GTE, o veículo combina seu motor TSI de 1,6 litro com os dois elétricos e é capaz de ir de 0 a 100 km/h em 4,3 segundos e chegar a uma velocidade máxima de 280 km/h;
  • Gol Track: além de uma frente remodelada e características focadas em condução offroad, a versão Track do Gol também tem melhorias em seu sistema de infoentretenimento, com o App-Connect. Completo com ar, direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, rodas de aço de 15 polegadas e faróis de neblina, entre outras coisas, o modelo vem com um motor 1.0 de 3 cilindros com 82 cv. A versão se situa entre o intermediário Gol Comfortline e o de ponta, o Highline;
  • up! Track: a nova opção chega para dar um estilo mais “aventureiro” à linha, seguindo o caminho do Fox Track e do Gol Track. O motor 1.0 de 3 cilindros tem até 82 cv no etanol e o visual incrementado com apliques com chrome effect nos para-choques, faróis com máscara escurecida e vários detalhes em preto espalhado pelo veículo;
  • CrossFox “Urban White”: marcada para chegar às concessionárias em novembro, a série especial traz a desejada opção do chamado “branco puro” – que só estava disponível no Golf e em modelos importados – e uma série de itens de equipamento e acabamento que não estavam disponíveis na família Fox. Uma das novidades é o sistema de monitoramento da pressão dos pneus;
  • Golf TSI 125 cv: fabricado nas instalações da Volkswagen em São José dos Pinhais (PR), o carro é o primeiro hatchback médio a oferecer o motor TSI Total Flex de 125 cv, com torque máximo de 20,4 kgfm, injeção direta e turbocompressor. A novidade estará disponível no mercado em sua versão Comfortline, com câmbio manual de 6 marchas, a partir de novembro;
  • Golf Variant 1.4 Total Flex de 150 cv: a linha 2017 da station wagon agora tem o motor 1.4 TSI Total Flex de 150 cv tanto em sua versão Comfortline quanto na Highline, capaz de ir de 0 a 100 km/h em 9,1 segundos e alcançar velocidade máxima de 207 km/h com etanol. Ambas as variantes também vêm com a transmissão automática de 6 velocidades com função Tiptronic. Outra novidade é a opção de rodas de liga leve;
  • Tiguan 1.4 TSI: a nova versão é focada em custo-benefício e chega equipada com motor 1.4 TSI de 150 cv, tração 4x2 e câmbio automático DSG de seis velocidades. O torque máximo é de 25,5 kgfm, que ficam disponíveis a 1.500 rpm. O modelo 2.0 com tração 4MOTION também continua sendo oferecido no Brasil.

A Volkswagen deve revelar o resto de seus lançamentos em sua coletiva de imprensa no Salão do Automóvel, marcada para acontecer no dia 8 de novembro. Além disso, a empresa promoverá uma “Mostra de Clássicos” na área externa do evento, onde os visitantes poderão ver de perto cerca de 50 modelos icônicos e customizados da marca – propriedade dos quase 400 fãs e colecionadores que estarão presentes por lá.

Cupons de desconto TecMundo: