A IBM e a NVIDIA anunciaram nesta sexta-feira (14) que vão realizar o upgrade de dois supercomputadores usando o padrão OpenPOWER standart desenvolvido pela primeira companhia. Tanto o Sierra da Lawrence Livermore quanto o Summit, da Oak Ridge, vão ganhar um aumento na velocidade das CPUs e GPUs responsáveis pelo processamento do que é conhecido como “big data”.

A promessa das duas companhias é que as melhorias realizadas devem diminuir consideravelmente o tempo necessário para a realização de trabalhos. O principal elemento da novidade é a tecnologia NVLink da NVIDIA, que deve aumentar entre cinco e 12 vezes o poder dos processadores presentes nas supermáquinas.

Além disso, deve ser aplicada uma nova tecnologia criada em uma parceria entre a IBM e a Mellanox, cuja “inteligência integrada” deve melhorar a maneira como dados são computados. Segundo a IBM, o desempenho das máquinas deve aumentar entre 5 a 10 vezes ao mesmo tempo em que o consumo de energia vai diminuir em cinco vezes.

Após o upgrade, tanto o Sierra quanto o Summit devem atingir picos de 100 petaflops, cada um contando com 5 petabytes de memória flash. A expectativa é a de que os supercomputadores passam transferir dados por seus sistemas e velocidades de até 17 petabytes por segundo.

Cupons de desconto TecMundo: