Uma nova máquina construída no Japão está trazendo um novo padrão para a supercomputação. O computador japonês (projetado por Tsuyoshi Hamada, da Universidade de Nagasaki) custou pouco mais de 420 mil dólares (725 mil reais) para ser construído, o que é pouco se compararmos com os mais de 1,2 bilhão de dólares (2 bilhões de reais) necessários para a fabricação de outras máquinas que estão em laboratórios mais conhecidos.

Segundo mostrado no vídeo da rede de televisão NHK, o sistema consegue atingir a marca de 1 TFLOP com certa facilidade. Para atingir a capacidade de cálculos rápidos e simultâneos, o professor Hamada utilizou unidades de processamento gráfico para fazer os cálculos mais pesados. Assim como outros supercomputadores, a máquina de Nagasaki pode ser utilizada para previsões meteorológicas e cálculos científicos. 

Cupons de desconto TecMundo: