A GVT disponibilizou nesta semana um novo serviço de streaming de músicas para Android, iOS e TVs com decodificadores da empresa. Trata-se do GVT Music, proposta que inclui aproximadamente quatro milhões de músicas, 100 mil videoclipes e vários shows que devem ser atualizados mensalmente. Inicialmente exclusivo para assinantes da GVT, o serviço foi disponibilizado por R$ 9,90 mensais.

O GVT Music aparece para substituir a primeira geração de serviços de streaming da operadora, o gratuito Power Music Club, que será descontinuado. Entretanto, os assinantes do antigo serviço devem ganhar um desconto na adesão do Music — que sairá por R$ 4,90 mensais.

“O PMC foi a primeira iniciativa digital da GVT”, disse o vice-presidente de marketing da GVT, Ricardo Sanfelice. “Testamos e vimos que tinha um valor. Tanto é que conseguimos 200 mil usuários, que acessavam gratuitamente o produto. Agora, o GVT Music é uma evolução e toda evolução tem um custo.” A GVT espera conquistar aproximadamente 100 mil usuários para o GVT Music durante o primeiro ano.

Forte em músicas brasileiras

De acordo com Sanfelice, um dos maiores diferenciais do GVT Music em relação a outros serviços similares (Spotity, Deezer etc.) deve ser a maior quantidade de músicas brasileiras. O executivo afirma que há uma equipe editorial focada na curadoria de obras nacionais — selecionando e recomendando playlists com ritmos como sertanejo e samba.

Ademais, o Music também segue a tendência e permite que se armazenem conteúdos offline, embora com o limite de até três aparelhos com um mesmo login. Diferentemente, do que ocorre com serviços como o Netflix e o Google Play Música, entretanto, o novo streaming da GVT não deve permitir acessos simultâneos com um mesmo login — embora a companhia disponibilize até cinco logins diferentes para famílias assinantes de seus pacotes de banda larga.

Cupons de desconto TecMundo: