(Fonte da imagem: Divulgação/Apple)

Um homem chamado Kariem McFarlin foi preso em Palo Alto, na Califórnia, nos Estados Unidos, acusado de invadir e roubar a casa em que morava Steve Jobs. A notícia foi trazida hoje por alguns jornais norte-americanos, como o Mercury News e o Associated Press. Segundo as publicações do país, o assalto teria acontecido no dia 17 de julho, porém somente agora as autoridades revelaram o acontecimento.

As informações dão conta de que mais de 60 mil dólares em computadores, aparelhos tecnológicos e outros itens em geral teriam sido pegos pelo ladrão. A curiosidade fica por conta do fato de que o roubo teria sido “randômico”. Ou seja: o criminoso não fazia ideia de que estava roubando a casa de uma das pessoas mais famosas de todos os tempos.

McFarlin encontra-se em custódia da polícia, com fiança estabelecida em “apenas” 500 mil dólares, e pode pegar mais de 7 anos de prisão. Ainda não há informações específicas sobre quais aparelhos teriam sido roubados, assim como se eram itens de Steve Jobs ou de algum membro da sua família. A polícia também não disse se algo já foi vendido pelo bando ou recuperado pelas autoridades.

Fonte: SlashGear, Mercury News, BGR e Associated Press

Cupons de desconto TecMundo: