A Valve está trabalhando nos Steam Controllers desde 2013, e em junho deste ano os primeiros modelos foram colocados em pré-venda. A ideia é que o controle possa substituir joystick, mouse e teclado para permitir que os jogadores desfrutem de uma experiência mais confortável na sala.

Os designers Robin Walker e Erik Johnson, da Valve, comentaram recentemente que o desenvolvimento do periférico tem levado bastante tempo porque a comunidade tem estado amplamente envolvida no processo de criação, proporcionando feedbacks e ideias para melhorar o projeto.

A um mês do lançamento oficial, o design do modelo escolhido não tem agradado a todos, mas isso não deve ser um problema. Segundo Johnson, a Valve está estudando a possibilidade de organizar workshops e disponibilizar os arquivos CAD do projeto para permitir que entusiastas façam melhorias e customizações.

A ideia é que a Valve seja capaz de colocar à venda os componentes eletrônicos do controle, permitindo assim que os fãs criem seus próprios modelos sem ter que lidar com as complicações eletrônicas envolvidas no processo.

Ainda não foi confirmada nenhuma data para que esse plano saia do papel, e é provável que a companhia queira avaliar primeiramente a recepção do modelo que será lançado em breve. De qualquer maneira, a forma como a Valve está tocando o projeto do Steam Controller chama bastante a atenção, e as declarações dos designers não deixam dúvidas de que veremos boas novidades sobre o assunto nos próximos meses.

Cupons de desconto TecMundo: