Dentre as pessoas que gostam e fazem questão de ouvir música sempre que podem, existem vários tipos, desde aquelas que curtem o som despretensiosamente até quem faz questão da mais alta qualidade possível na hora de curtir um som. Se você é uma dessas com ouvidos aguçados e que sabe enxergar (ou melhor, escutar) a diferença entre uma música em MP3 e outra tocada diretamente do CD, você provavelmente vai adorar o serviço que o Spotify estaria testando.

Trata-se do Spotify Hi-Fi, que pretende oferecer por um valor extra (entre US$ 5 e US$ 10 a mais, cerca de R$ 16 a R$ 31) para seus assinantes a possibilidade de ouvir através de streaming música em alta qualidade, assim como são reproduzidas diretamente de um CD. Esse tipo de arquivo digital de áudio é chamado “lossless”, que significa “sem perda”. Como eles não são comprimidos para ter um tamanho menor, a qualidade do som é bem mais alta.

Além de todos os recursos do Spotify Premium, o usuário vai poder ouvir músicas em qualidade de CD

Alta qualidade por toda parte

Isso já acontece em um dos principais concorrentes da plataforma de transmissão musical, o Tidal, que permite que seus usuários também acessem músicas em alta qualidade de som por um valor a mais na mensalidade. Aparentemente, o Spotify está testando o recurso com um grupo selecionado de usuários desde a última terça-feira (28), mas diversas pessoas que receberam a “oferta” da empresa disseram que não foi possível acessar o Hi-Fi, recebendo mensagens de erro ou de “serviço não disponível”.

Mesmo com 40 milhões de assinantes, o Spotify ainda não conseguiu apresentar lucro – talvez com a disponibilização de áudio em maior qualidade por um preço extra faça a empresa começar a ganhar dinheiro pra valer

Seja como for, a jogada já era bastante esperada, visto que os concorrentes do Spotify caminham nessa direção. Quanto ao teste, dá para acreditar que seja uma avaliação de estratégia de preço, visto que o valor pelo serviço alterna de US$ 5 para US$ 10 em diferentes usuários. Mesmo com 40 milhões de assinantes, o Spotify ainda não conseguiu apresentar lucro – talvez com a disponibilização de áudio em maior qualidade por um preço extra faça a empresa começar a ganhar dinheiro pra valer.

Não existem maiores informações no momento sobre o Spotify Hi-Fi. Um porta-voz confirmou que a empresa sempre está testando novas funcionalidades e produtos, mas que não possuem dados para fornecer sobre a transmissão de áudio em alta qualidade. Também não há nenhuma previsão para esse recurso pintar na versão brasileira da plataforma.

Spotify Hi-Fi: música em alta qualidade para ser ouvida em qualquer lugar

E você?

Afinal, o que você acha do Spotify passar a disponibilizar conteúdo em alta qualidade para os usuários? Pessoas que realmente fazem questão de ouvir música a partir de arquivos digitais sem perda, ou “lossless”, certamente podem ser um bom público-alvo a ser explorado, pois realmente há diferença (mesmo nem todo mundo perceba) entre um áudio Hi-Fi e uma canção comprimida em MP3.

Porém, será que as pessoas de modo geral desembolsariam até US$ 10 dólares a mais para acessar áudios em qualidade de CD? Deixe sua opinião aí nos comentários!

Cupons de desconto TecMundo: