(Fonte da imagem: Reprodução/PC Mag)

Uma das maiores pragas da atualidade é o spam. É praticamente impossível encontrar uma conta de emails que não recebe dezenas deles, todas as semanas. E as principais ferramentas de distribuição deste tipo de mensagem são os botnets – computadores que controlam diversos outros remotamente, utilizando-os para espalhar mensagens e vírus.

E ontem, o Grum (terceiro maior botnet do mundo) foi derrubado por especialistas em segurança (do grupo FireEye). O resultado disso foi impressionante: 18% de todas as mensagens de spam que são enviadas diariamente deixaram de ser distribuídas. Estima-se que 100 mil computadores deixaram de ser controlados pelo Grum (que possuía servidores na Rússia, Panamá e Holanda).

Apesar da vitória, os dois maiores botnets do planeta (Cutwaii e Lethic) continuam em atividade e operam com força total. A FireEye não revelou se possui alguma dica de como poderá derrubar os outros grandes vilões, mas deixa claro que é praticamente impossível que o Grum volte a operar tão cedo.

Segundo o que foi publicado no PC Mag, o grupo de segurança afirma que “o Botnet não possui nenhum mecanismo de recuperação aparente que poderia permitir uma volta muito fácil”. Nossas caixas de entrada e pastas de spam agradecem.

Fontes: Slash Gear e PC Mag

Cupons de desconto TecMundo: