(Fonte da imagem: Reprodução/Notebooksonyvaio)

Nesta terça-feira (4), diferentes fontes internacionais noticiaram que a Sony estaria em fases de negociação com a Lenovo para vender a sua linha de computadores. Isso aconteceria pelo simples fato de que a empresa do PlayStation tem uma representação bem maior dentro do mercado de video games do que no de PCs.

Uma fonte japonesa que se dizia próxima do caso até mesmo informou que o preço da compra seria de US$ 492 milhões (algo em torno de R$ 1,1 bilhão), sendo que a Sony focaria muito mais em smartphones e games. Contudo, a informação não havia sido confirmada por nenhuma das duas empresas envolvidas na possível transação.

Ainda não se sabe o que está acontecendo

A novidade sobre isso é que a Sony se pronunciou sobre o caso. Em um comunicado publicado no próprio site da empresa japonesa, é explicado que eles estão explorando diferentes possibilidades de trabalho com a sua linha de computadores, mas que as informações sobre uma venda para a Lenovo “são inexatas” — assim como você pode conferir aqui.

Dessa maneira, pode ser que a Sony esteja trabalhando com a Lenovo de uma forma diferente — como em uma parceria, por exemplo — ou que a venda seja para outra grande companhia. Contudo, nenhuma informação adicional foi dada, de maneira que não há como adivinhar o que as duas empresas (ou somente uma delas) estão preparando para o mercado de computadores.

Cupons de desconto TecMundo: