CEO recusou oferta. (Fonte da imagem: Reprodução/BBC)

Kazuo Hirai rechaçou a ideia de vender parte da divisão de entretenimento da Sony. O CEO da companhia publicou uma carta aberta no site da empresa, rejeitando a proposta feita por um grande investidor nos últimos dias.

O homem em questão é ninguém menos do que o bilionário Daniel Loeb, comandante do fundo Third Point LLC. Baseada em Nova York, a empresa conta com mais de 14 bilhões de dólares em investimentos. O fundo, inclusive, é dono de sete por cento das ações da Sony.

Segundo Loeb, a gigante deveria começar a dividir algumas de suas ações com o mercado, conseguindo, assim, focar mais em seu “core business”. De acordo com o investidor, a empresa poderia oferecer entre 15 e 20 por cento do seu setor de entretenimento para o mercado de ações – algo que poderia turbinar o seu valor unitário em mais de 60%.

Não, obrigado!

Como dito acima, o Kazuo Hirai não quis conversa com os investidores. O CEO declarou: “Eu e os membros do conselho diretor acreditamos firmemente que continuar com 100% dos nossos negócios de entretenimento é fundamental para o sucesso da Sony e que nenhuma oferta por direitos de subscrição ou pública é consistente com a nossa estratégia por diversas razões diferentes”.

Com o crescimento do mercado de distribuição digital de entretenimento, Hirai acredita que é importante para a Sony que a companhia possa manter o controle sobre todas as decisões futuras da empresa nesse sentido. Um bom exemplo disso é o fato de que assim eles conseguem manter toda uma sinergia entre a distribuição de conteúdo e a produção de novos aparelhos eletrônicos.

De quebra, o CEO ainda deu uma pequena cutucada em Daniel Loeb, dizendo que a Sony não teria problema em levantar os 2 bilhões de dólares oferecidos por ele, caso isso seja necessário. Por fim, ele também acabou concordando com o investidor em um dos pontos “reclamados” publicamente por ele, citando que a empresa deve dar mais abertura quanto aos resultados financeiros da divisão de entretenimento.

Não desistimos!

Segundo uma reportagem da  Reuters, apesar da recusa da Sony, a Third Point LLC. parece não ter desistido do investimento. Segundo o fundo de investimento, eles continuarão buscando manter o diálogo aberto com a companhia para explorar, futuramente, novas opções para os detentores de ações.

Cupons de desconto TecMundo: