HarmonyOS 2.0 da Huawei chega em fase beta para desenvolvedores

1 min de leitura
Imagem de: HarmonyOS 2.0 da Huawei chega em fase beta para desenvolvedores
Imagem: Huawei/Divulgação
Avatar do autor

Durante a Huawei Developers Conference (HDC2020), a fabricante chinesa anunciou o HarmonyOS 2.0, seu sistema operacional próprio que protagonizará a construção do ecossistema da companhia. Na sua missão de construir sistemas livres da tecnologia e influência de companhias dos Estados Unidos, a Huawei dá o primeiro passo para independência.

O presidente da divisão de software da Huawei, Dr. Wang Chenglu, afirmou que o desenvolvimento do sistema operacional da companhia começou em maio de 2016 já visava as possíveis direções que a tecnologia podia seguir — e seguiu — nos anos posteriores, resultando na criação de um sistema operacional amigável com a integração de um ecossistema de dispositivos.

O HarmonyOS trata todos os dispositivos com ele instalado como módulos. Um computador é um módulo de CPU, memória, display, alto-falantes, leitor de disco e mais; o sistema também distingue os módulos de aparelhos IoT. Na prática, a integração de todos os aparelhos essa tecnologia permite integração aos sistemas de forma mais ágil, sem exigir significativa personalização em cada dispositivo.

a  GizChina/Reprodução 

Isso viabilizaria o funcionamento de múltiplos sistemas em conjunto, de forma simultânea e discreta. Em um exemplo mencionado por Chenglu, “as pessoas gostam de cantar em casa, elas poderiam utilizar seus celulares como microfones, as televisões como um reprodutor de mídia e um app para escolher as músicas”, como pontua o site GizChina.

Para os desenvolvedores, o HarmonyOS possui mais de 13000 APIs, IDEs de desenvolvimento e compiladores Ark para proporcionar um sistema robusto e com fácil adaptação, dispensando atenção desnecessária na construção de comunicação entre dispositivos.

a  GizChina/Reprodução 

Distribuição completa

O HarmonyOS está em código aberto já há alguns meses, contando com o apoio de 120 parceiros e mais de 100 mil desenvolvedores participaram da construção dele. Sua versão mobile estará disponível em beta para desenvolvedores em dezembro deste ano.

Quando lançando, próximos lançamentos da companhia contarão com o sistema e atuais modelos equipados com a EMUI 11 terão direito a atualizar seus aparelhos para o sistema da companhia. A atual previsão para a distribuição para o público é para algum momento de 2021.

HarmonyOS 2.0 da Huawei chega em fase beta para desenvolvedores