Android 11 diminui acesso de apps de câmera e prioriza segurança

1 min de leitura
Imagem de: Android 11 diminui acesso de apps de câmera e prioriza segurança
Imagem: Google/Reprodução
Avatar do autor

Enquanto nos aproximamos do lançamento do Android 11, vários pequenos novos ajustes têm sido identificados por desenvolvedores e usuários. A nova descoberta revela que a versão do sistema não vai mais permitir, em todos os cenários, que o usuário substitua a câmera nativa instalada.

O Google confirmou a mudança na escolha da câmera padrão. Isto não significa que todos os celulares Android virão com o aplicativo 'G Cam' instalado. Mas, sim, que o aplicativo nativo será o priorizado. Assim, o app de câmera da Samsung ou Xiaomi será o nativo dos celulares da empresa na maioria das áreas do sistema, por exemplo.

Segundo o Google, esta foi "a escolha certa para proteger a privacidade e a segurança de nossos usuários". A câmera do sistema da empresa já foi vítima de brechas. No passado, uma falha de segurança permitia que o app fosse utilizado para tirar fotos sem a permissão do usuário.

Seleção de aplicativo de câmera no Android 11.Seleção de aplicativo de câmera no Android 11.Fonte:  Android Police/Reprodução 

Android mais transparente

Desta forma, os aplicativos de câmera baixados no Google Play não poderão mais ser utilizados como um substituto completo. Foi descoberto, porém, que o app nativo será o padrão em apps como o Reddit e Keep. No Instagram ou Twitter, usuários ainda poderão usar outros apps baixados de câmera.

No atalho rápido de apertar duas vezes o botão de liga/desliga, também será possível escolher a câmera padrão para abrir.

Personalizar qual será o aplicativo padrão de e-mail, câmera, navegador, mensagens, contatos e outros têm sido uma grande vantagem do Android contra o iPhone. O sistema móvel da Apple, por exemplo, só começou a receber a função agora no iOS 14.

A mudança, apesar de reduzir a praticidade, tem a missão de trazer mais transparência no uso do Android. Alguns processos também poderão ser um pouco mais demorados. Este, no entanto, será um trabalho extra para desenvolvedores de aplicativos para torná-los diretamente compatíveis com os outros de câmera disponíveis na loja.

Android 11 diminui acesso de apps de câmera e prioriza segurança