Já ouviu falar em Progressive Web Apps, ou PWAs? São aplicações web que funcionam como aplicativos, ou seja, um híbrido entre um site e um app. PWAs têm se tornado cada vez mais populares, porque trazem muitas funcionalidades interessantes e custam bem menos do que um produto que precisa passar por todo o processo de desenvolvimento, teste e lançamento.

É claro que PWAs também exigem todos os cuidados de programação e publicação, mas seu manuseio é, digamos, mais fácil, simples e barato. Eles funcionam offline, podem ser usados independentes do browser ou dispositivo, são atualizados automaticamente, enviam notificações push e permitem uma experiência parecida com um aplicativo nativo, incluindo o ícone na tela principal do desktop ou dispositivo móvel.

Google já vem trabalhando em uma maneira do Chrome adicionar mais facilmente os PWAs e a Microsoft agora passa a oferecer esse recurso na nova versão do Edge, baseado no Chromium, mesma plataforma de desenvolvimento do Chrome.

Como adiciono PWAs com o Edge?

Para adicionar PWAs com o novo Edge, basta abrir as configurações a partir dos três pontinhos no canto superior direito. Depois disso, é preciso descer o menu até “Apps” e selecionar a opção para baixar e instalar.

edgeFonte: MS Power User

Uma janela pop-up vai requisitar um nome para ele.

edgeFonte: MS Power User

Depois disso, é só instalar e o PWA vai abrir em uma aba separada, como app. E você pode removê-lo quando quiser em “Apps > Manage”. Vale lembrar que o Edge vai criar um atalho para o aplicativo na tela inicial do desktop

edgeFonte: MS Power User

Para sites móveis, a Microsoft mostrará uma opção na barra de endereço na qual você pode tocar e instalar diretamente, sem precisar executar o programa. Mas isso funcionará somente nas páginas dedicada para celular.