O Bluetooth Special Interest Group (SIG) anunciou nesta segunda-feira (28) uma nova solução que permite saber de que direção exata vem cada sinal e aumenta a precisão da varredura. É uma combinação do rastreamento tradicional com rádio. Atualmente, o sistema é medido pela força do sinal e isso acaba resultando em uma cobertura ampla, de 1 metro a 10 metros, porém pouco exata.

Com a novidade, o Bluetooth poderá identificar a exata localização em tempo real de aparelhos em espaços internos

Com essa a atualização, torna-se possível ter uma medição mais rigorosa, porque essa novidade permite saber não somente sua distância como também a origem do gadget — e assim é possível dizer a quantos centímetros o dispositivo está de você. Isso é ótimo para encontrar aparelhos e também pode ser usado para melhorar a identificação em tempo real nos espaços internos, onde o Bluetooth também serve para ajudar as pessoas se localizarem — o que é uma boa, mas aumenta da discussão de até que ponto as companhias podem saber onde você está com alta precisão.

O novo recurso está incluído na versão 5.1 do Bluetooth Core Specification, já disponível para desenvolvedores. O Launch Studio, a ferramenta Bluetooth SIG usada para qualificar novos produtos com Bluetooth, está sendo atualizado para suportar esse recurso. Ou seja, muito em breve deve começar a operar em todo o mercado, que até em 2020 deve ter mais de 400 milhões de produtos com esse suporte, segundo as contas do SIG.