O canal de TV norte-americano The Weather Channel publicou nesta quinta-feira (18) mais uma previsão do tempo assustadora montada em realidade mista imersiva ou “Immersive Mixed Reality”.

Depois daquela enchente assustadora, agora temos um alerta para o início da temporada de incêndios florestais nos EUA. A meteorologista Stephanie Abrams aparece em meio a um cenário natural de colina relativamente seco e, de repente, uma fagulha ateia fogo em todo o local.

Abrams então detalha como o vendo quente e seco dessa época do ano na região da Califórnia serve como combustível para esse tipo de incêndio. Com chove pouco nesses meses por lá, o chão e a vegetação seca não representam resistência alguma para o fogo.

Ela ainda explica que, nos EUA, 80% de todos os incêndios florestais são iniciados por humanos ou pela infraestrutura que eles instalam em áreas remotas. Além de bitucas de cigarro, fogueiras e fagulhas de veículos, a rede elétrica aparentemente é a principal responsável por iniciar incêndios na natureza.

Cenas como essa podem se tornar uma assustadora nova realidade

No vídeo, é possível ver a evolução do fogo em uma colina e, posteriormente, chegando próximo a uma zona habitada. Abrams também revela que os efeitos do aquecimento global têm tornado esses incêndios mais comuns, considerando que as condições climáticas agora estão presentes praticamente o ano todo em várias regiões do mundo.

Todo ano, uma região do tamanho da Índia é queimada por incêndios florestais acidentais ou propositais no mundo. “Cenas como essa podem se tornar uma assustadora nova realidade”, completa Abrams.

Como foi feito

O vídeo mostrando como se espalham os incêndios florestais foi construído usando realidade mista imersiva ou “Immersive Mixed Reality” (IMR). Com isso, a meteorologista pode ser digitalmente inserida em cenas como a que você vê, renderizando gráficos em tempo real.

Essa obra é feita pelo Weather Channel em parceria com uma empresa chamada The Future Group, especializada em realidade aumentada.

https://www.tecmundo.com.br/ciencia/134269-previsao-tempo-efeitos-especiais-mostra-forca-do-furacao-florence.htm