Mês passado, o Google Chrome ganhou cara nova, mas não é por isso que não vai trazer mais novidades agora. A versão 70 do Chrome já está sendo liberada para atualização no Windows, Mac e Linux e ela inclui mais avisos de HTTP e um status de entrada mais claro em relação à sua conta Google.

A versão 70 do Chrome continua com o push de HTTPS que exibe um aviso de não seguro e um ícone vermelho quando os usuários inserem senhas ou outros dados pessoais em qualquer página HTTP

A principal mudança na nova versão do navegador da Google veio para sanar um problema que confundia os usuários: anteriormente, era possível ver um avatar de sua conta Google no canto superior esquerdo do Chrome e isso fazia com que as pessoas pensassem que estavam logadas no browser e com o sistema de sincronização de favoritos e histórico ativada.

Ledo engano

Na verdade, estavam apenas logados em algum serviço da Google, como o Gmail ou YouTube, mas o navegador os induzia a pensar diferente. Agora, na versão 70, existe uma opção chamada “Permitir login no Chrome”, que quando desativada permite entrar em sites da Google sem a necessidade de realizar o login no Chrome.

A versão 70 do Chrome continua com o push de HTTPS que exibe um aviso de não seguro e um ícone vermelho quando os usuários inserem senhas ou outros dados pessoais em qualquer página HTTP. Outra mudança feita pensando na segurança do usuário é que o navegador vai sair do modo de tela cheia sempre que algum prompt de informação delicada aparecer, para garantir que ele foi realmente visto.