Mais de 9 milhões de links quebrados da Wikipédia foram corrigidos pela equipe da Internet Archive - uma espécie de biblioteca digital, que reúne arquivos da web. Há mais de cinco anos, a organização tem armazenado em seu banco de dados, Wayback Machine, praticamente todas as URLs referenciadas em centenas de páginas da enciclopédia online. Isso foi possível graças ao IABot, um robô desenvolvido por voluntários da organização para rastrear ocorrências dos tipos “404” e “página não encontrada” nos arquivos da Wayback Machine.

Assim, quando a ferramenta encontra links quebrados, ela faz uma nova busca nesse banco de dados e os substitui por URLs válidas. O trabalho é realizado com o intuito de garantir que as informações da plataforma possam ser sempre confirmadas na seção de referências, localizada no final de cada página da Wikipédia. Segundo publicação da Internet Archive, isso garante que o site “permaneça preciso e verificável e, portanto, atende a uma das três principais políticas de conteúdo da Wikipédia: ‘verificabilidade’”.

A iniciativa é bastante útil não somente para garantir a veracidade do que é escrito na plataforma, mas também para auxiliar a localização de artigos originais sobre determinado assunto. Afinal, esse detalhe é muito importante para citações em estudos acadêmicos, por exemplo.Ainda vale ressaltar que o projeto não termina aqui. Além da Wikipédia, ele será estendido para outros formatos e mídias, incluindo demais páginas da internet, e-books e estudos científicos. Caso queira conhecer a infinidade de dados armazenados na Wayback Machine - como filmes e livros dos mais variados temas -, acesse o site da Internet Archive.