Um relatório publicado pelos desenvolvedores do VPN Guardian Mobile Firewall mostrou que dezenas de apps populares no iOS estão coletando de forma ilegal dados de localização geográfica dos seus usuários. Pior do que isso é o fato de essas aplicações estarem vendendo essas e outras informações mineradas em iPhones e iPads para empresas terceiras sem conhecimento das vítimas.

Segundo o levantamento, praticamente todos os apps flagrados nessa prática requerem permissão à localização do usuário para funcionar e quase nunca citam em seus termos de uso que podem vender as informações coletadas. Quando o fazem, é de maneira obscura para que os usuários não consigam entender imediatamente o que está acontecendo.

De acordo com o VPN Guardian Mobile Firewall “dezenas de milhões de iPhones” foram comprometidos por esses apps, e seus usuários estão sendo essencialmente vigiados por anunciantes diariamente.

“Eu acredito que as pessoas deveriam poder usar qualquer app que queiram em seus celulares sem temer que conceder acesso a dados sensíveis signifique concordar que suas informações serão sorrateiramente enviadas para entidades desconhecidas”, escreveu Will Strafach, um dos pesquisadores de segurança do VPN Guardian Mobile Firewall no relatório.

Os apps denunciados

A pesquisa foi feita testando centenas de apps do iOS e monitorando o tráfego de dados que essas aplicações realizam após receberem todas as permissões que desejam.

Confira agora a lista com alguns dos apps denunciados no levantamento:

  • Ask.fm
  • C25K 5K Trainer
  • Classifieds 2.0 Marketplace
  • Code Scanner
  • Coupon Sherpa
  • GasBuddy
  • Homes.com
  • MobileTag
  • Moco — Chat & Meet People
  • MyAurora Forecast
  • MyRadar NOAA Weather Radar
  • NOAA Weather Radar
  • PayByPhone Parking
  • Perfect365
  • Photobucket
  • Quakefeed Earthquake Alerts
  • Roadtrippers
  • ScoutLook Hunting
  • SnipSnap Coupon App
  • Tapatalk
  • The Coupons App
  • Tunity
  • Weather Live
  • YouMail: Voicemail Upgrade

Cupons de desconto TecMundo: