De acordo com informações da CNBC, o CEO da divisão mobile da Samsung, DJ Koh, afirmou que a Bixby está se tornando uma plataforma aberta, para a qual desenvolvedores terceiros poderão criar apps e integrar funcionalidades externas à assistente.

Koh confirmou que a Samsung deve liberar em breve um SDK (software development kit) e também uma API (application programming interface) para instruir desenvolvedores sobre com a Bixby funciona com aplicações externas.

Não sabemos, contudo, quando exatamente isso pode acontecer, uma vez que Koh não deu nenhum prazo específico para tal. Seja como for, fica claro que a Samsung deseja concorrer com Google e Amazon no mercado de assistentes digitais, uma vez que Google Assistente e Alexa já contam com milhares de funções desenvolvidas por terceiros.

Acredita-se ainda que a Samsung possa estar liberando essa novidade em breve para que, quando o Galaxy Home chegar de fato ao mercado, a Bixby seja mais útil e, dessa forma, ajude a vender o aparelho.