Em uma entrevista com o Sydney Morning Herald publicada hoje (19), o CEO da Apple, Tim Cook, desmentiu rumores de que a empresa está procurando unificar o macOS e o iOS em um só sistema operacional. Há muito fala-se na possibilidade de Macs e iPads rodarem o mesmo SO, mas chefão da Maçã não acredita que essa seja uma boa ideia.

Se você começar a juntar os dois, você começa a comprometer ambos

“Nós não acreditamos nessa coisa de simplificar demais um ou outro”, disse Cook. “Ambos os sistemas são incríveis. Uma das razões pelas quais eles são incríveis é o fato de nós termos os desenvolvido para que façam o que fazem de melhor. E se você começar a juntar os dois, você começa a comprometer ambos”, completou.

Em outras palavras, Cook acredita que juntar o macOS e o iOS significaria comprometer a experiência de uso que ambos oferecerem. Em vez de oferecer melhorias para os usuários, Cook acredita que uma possível junção traria justamente o oposto.

Eu não acho que isso seja o que o consumidor realmente quer

“Talvez a empresa se torne mais eficiente no final das contas. Mas a questão não é essa. A questão é oferecer às pessoas coisas que elas poderão usar para mudar o mundo, expressar suas paixões ou criatividade. Portanto, essa fixação que algumas pessoas têm nessa história de unificação, eu não acho que isso seja o que o consumidor realmente quer”, explicou o CEO da Apple.

Novos chips?

Ainda assim, os rumores sobre a Apple estar experimentando em trazer apps do iOS para o macOS continuam surgindo na web. Em dezembro deste ano, por exemplo, falava-se na possibilidade de a companhia estar tentando encontrar uma forma de trazer cosias da App Store para a Mac App Store. Já em 2018, a dimensão dos rumores falou na possibilidade de a Maçã estar desenvolvendo seus próprios processadores para seus Macs. Essa nova plataforma, contudo, seria compatível com softwares antigos, desenvolvidos para chips Intel atuais e, talvez, também com os apps do iOS.

Seja como for, se o CEO da Apple pensa dessa forma, mesmo que os pesquisadores da empresa estejam experimentando com alguma forma de unificar as duas plataformas, é improvável que isso siga em frente e acabe nas mãos do consumidor.

Cupons de desconto TecMundo: