Em alguns países, como na Espanha, existem regulações do governo para que ligações para linhas de apoio à vítimas de violência doméstica não apareçam na conta de telefone. É uma segurança extra para impedir que o abusador perceba que a vítima está buscando ajuda.

Algo parecido pode chegar nativamente ao Android. A proposta foi criada por um grupo de engenheiros da fabricante espanhola BQ, que vende smartphones principalmente no mercado europeu. A ideia é que o sistema compare o número que está sendo chamado com uma lista de telefones de linhas de apoio.

A ideia é que o sistema compare o número que está sendo chamado com uma lista de telefones de linhas de apoio.

Alguns patches já foram feitos na proposta, com desenvolvedores do sistema LineageOS adicionando mais números à lista e funcionários da Sony encontrando uma forma mais eficiente de checar quais ligações devem ser escondidas.

O projeto ainda está em estágio bem inicial, então não é possível saber se ele ficará pronto a tempo de ser implementado no Android P, que teve sua primeira prévia para desenvolvedores lançada recentemente.

Cupons de desconto TecMundo: