Uma versão falsa da popular carteira digital MyEtherWallet chegou recentemente à App Store — a loja oficial de apps para o iOS — e, hoje (11), se tornou o terceiro app pago mais baixado no segmento de finanças. Além de falso e potencialmente perigoso, o app custa US$ 4,99, deixando o golpe ainda mais impressionante.

Apple é conhecida por supostamente ter um processo de análise e verificação de novos apps em sua loja bem mais rigoroso que o da Google, por exemplo, mas a presença do app falso que se propõe a “guardar com segurança” criptomoedas como EthereumBitcoin coloca em cheque essa fama.

Não temos qualquer comentário oficial da Apple sobre o assunto até o momento, mas os desenvolvedores reais do MyEtherWallet se pronunciaram no Twitter. “Esse app não é nosso. Nós denunciamos e enviamos isso por email. Gostaríamos muito da ajuda da comunidade para tirar esses golpistas das nossas vidas”, diz o tweet.

O MyEtherWallet não tem app para iOS, funcionando apenas em sua versão web

É curioso notar que o MyEtherWallet não tem app para iOS, funcionando apenas em sua versão web. A carteira digital também é gratuita para uso e, por isso, a cobrança pelo app para iOS é ainda mais alarmante.

Não se sabe exatamente quantas pessoas caíram nesse golpe na loja de apps do iPhone, mas não seria exagero dizer que essas pessoas podem ter tido todas as suas criptomoedas roubadas e ainda terem pago por isso. O app falso inclusive conseguiu entrar em um espaço de publicidade na loja da Apple, deixando a brecha de segurança ainda mais grave.

O app falso deve ter surfado na onda de supervalorização da Bitcoin nos últimos dias. A criptomoeda está valendo hoje cerca de US$ 16,5 mil, mas seu valor flutua de forma muito acentuada constantemente. No geral, entretanto, a moeda deve fechar 2017 com mais de 1.600% de valorização.

Cupons de desconto TecMundo: