Google voltou atrás. No mês passado, a empresa enviou uma notificação a todos os desenvolvedores de aplicativos que utilizavam os serviços de acessibilidade, dizendo que eles deveriam mudar as funcionalidades que obrigavam o usuário a permitir o acesso.

Esse anúncio gerou uma grande insatisfação por parte dos desenvolvedores e usuários que utilizam os aplicativos que dependem dessas permissões. A partir de agora, os apps deverão provar que são projetados para ajudar as pessoas que possuem algum tipo de deficiência e necessitam do software.

Acessibilidade

Os desenvolvedores que entraram em contato com a companhia para tratar do assunto estão recebendo um email com termos atualizados, visto que a empresa entende que existem apps legítimos que precisam da permissão. Para os que tiveram suas autorizações negadas, a Google liberou que eles enviem justificativas explicando os motivos da necessidade das licenças.

acessibilidade

Pelo visto, a Gigante das Buscas ouviu sua comunidade e não quer perder público com mudanças e proibições drásticas, principalmente quanto a aplicativos que buscam ajudar as pessoas. O que você acha dessa trégua? Deixe sua opinião nos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: