A Google conta com um sistema próprio de rastreamento de dispositivos, recurso ideal para quando você perde o seu telefone ou tem o aparelho roubado. Contudo, antes de o Android apresentar essa função nativa, outros serviços já realizavam a mesma tarefa, e entre eles o Cerberus, um dos mais populares do gênero.

Para a Google, entretanto, o Cerberus faz tão bem o seu trabalho que mereceu receber uma notificado da empresa. O aviso foi feito porque o app funciona em segundo plano e de forma camuflada, ocultando a sua atividade do usuário. E isso é totalmente positivo, pois a ideia é evitar que o ladrão de um smartphone saiba da presença do aplicativo.

CerberusImagem publicada na página oficial do Cerberus na Play Store mostra a notificação recebida da Google.

Contudo, a empresa informou os desenvolvedores do Cerberus que o aplicativo viola as Diretrizes de Comportamento de Malware da Play Store justamente por isso, porque o seu comportamento se assemelharia ao de um software mal intencionado. Diante da situação, a Google deu sete dias para que os responsáveis pelo app  se manifestem, mas ainda permanece incerto qual será o futuro.

Fica evidente que é justamente a discrição do Cerberus o seu grande trunfo, pois não faria sentido nenhum que ele notificasse o usuário sobre o seu funcionamento. Isso simplesmente alertaria o ladrão e tiraria completamente o propósito do software.

Cupons de desconto TecMundo: