Um aplicativo para iOS vem gerando polêmica na web durante as últimas semanas. A ferramenta se chama MakeApp e tem como objetivo remover ou adicionar maquiagem no rosto dos usuários e usuárias. A proposta em si já pode ser um tanto questionável, mas os resultados do trabalho que a aplicação faz no rosto das mulheres é bastante depreciador.

Confira o vídeo divulgado pelo criador da ferramenta, o russo Ashot Gabrelyanov. Angelina Jolie aprece em um quadro com maquiagem e, no outro supostamente sem, de acordo com a inteligência artificial do MakeApp. Perceba que a atriz parece doente, com uma pele pálida e problemática. Só que esta está longe ser a aparência real da celebridade sem maquiagem. O mesmo ocorre com Emma Watson.

O app também adiciona imperfeições na pele das pessoas, o que as faz parecerem mais velhas. O criador chegou a comentar que está trabalhando para solucionar essa questão em específico. Mulheres acusam o app de ser uma brincadeira sexista feita para zombar do sexo feminino. Uma pesquisa feita pelo YouGov neste ano apontou que 63% dos homens acham que as mulheres usam maquiagem para enganá-los a respeito de sua real aparência.

gráfico

Em outras palavras, como o app permite que você faça o upload de qualquer foto para analisar e remover ou adicionar maquiagem, ele está sendo considerado o equivalente digital a brincadeiras machistas que tentam flagrar mulheres sem maquiagem para “desmascará-las” e descobrir se elas são bonitas de verdade. Existe até o infame ditado “leve ela para nadar no primeiro encontro”, a fim de descobrir a real aparência do rosto.

“Nós criamos o MakeApp para ser um experimento e o lançamos alguns meses atrás. Infelizmente, a cobertura midiática vem focando somente na função de remoção de maquiagem e caracterizou o app como ‘um bocado de caras’ tentando machucar as mulheres, o que não é a verdade”, disse Ashot Gabrelyanov ao BuzzFeed.

O aplicativo aplica tantas imperfeições e palidez que as deixam uma aparência bastante depreciativa

A questão é que, como homens não usam maquiagem cotidianamente, a brincadeira envolvendo o MakeApp em rostos masculinos é sempre uma anedota qualquer de como eles poderiam parecer caso estivessem maquiados de forma exagerada. O argumento nesse ponto é que ninguém realmente assume em momento algum que eles poderiam ter aquela aparência de fato. Só que, para mulheres, especialmente as que usam maquiagem leve, o aplicativo aplica tantas imperfeições e palidez que as deixam uma aparência bastante depreciativa. Isso, combinado ao fato de que muitos homens acham que a maquiagem é uma forma de enganá-los, só piora a situação do app de Gabrelyanov.

O russo também já foi acusado pelo Business Insider de controlar uma agência de notícias pró nacionalismo russo e de ter ligações com Putin, um líder controverso quando o assunto são os direitos de minorias. Gabrelyanov disse que não tem ligação com o Kremlin e que já deixou a agência de notícias em questão há mais de 4 anos.

Cupons de desconto TecMundo: