A ideia de uma distopia na qual as máquinas inteligentes aprendem tarefas humanas e resolvem colocar um fim à nossa existência, tão comum na literatura e no cinema de ficção científica, volta e meia parece só questão de tempo. Mais uma prova disso vem do DeepLoco, um programa de computador criado na Universidade da Colúmbia Britânica, nos Estados Unidos, e que conseguiu aprender sozinho uma série de atividades.

O software inteligente utiliza aprendizado de máquina e foi criado justamente para desenvolver habilidades por conta própria. Dessa forma, ele descobriu como andar e correr em campo aberto ou entre obstáculos, assim como aprendeu a jogar futebol — ou ao menos a carrega a bola com os pés. O vídeo abaixo traz algumas das capacidades do DeepLoco.

No futuro, o DeepLoco pode dar uma contribuição bastante interessante ao desenvolvimento de jogos no futuro. Se os personagens evoluíveis de Sombras de Mordor já são interessantes, imagine personagens não controlados pelo jogador com a capacidade de aprender novas habilidades conforme a jogatina se desenrola?

Cupons de desconto TecMundo: