Você se lembra da parceria da HTC com a Under Armour, uma empresa estadunidense que fabrica roupas e acessórios esportivos, para desenvolver a Grip, uma smartband que tinha como foco a análise de exercícios físicos do usuário? Infelizmente, o projeto foi arquivado, mas um novo produto renasce das cinzas dele: a UA Band.

Apesar de ser muito similar a diversas outras pulseiras do mercado, como a Nike+ FuelBand, o aparato tem um acabamento em borracha, um visor simples e um único botão para navegação. Entretanto, a grande sacada está na integração do acessório com os apps da empresa, como o MyFitnessPal, o MapMy Run, o Endomondo e o UA Record, todos da Under Armour.

A grande desvantagem em relação ao antigo protótipo é que o GPS integrado foi removido na versão final. Entretanto, outras funções foram implementadas, como o sensor cardíaco, que mede o seu desempenho em uma variedade de exercícios e a qualidade do seu sono. A bateria da UA Band dura cerca de cinco a sete dias.

Integração de hardware com software

A descrição pode ter sido um pouco genérica, pois, na verdade, realmente é. Levando em conta as especificações da pulseira inteligente, não há nenhuma grande novidade. A grande cereja do bolo está na combinação de apps e outros equipamentos desenvolvidos pela HTC e pela Under Armour, que formam um ecossistema perfeito para os amantes de tecnologia fitness.

Você possui ou pensa em comprar uma smartband? Comente no Fórum do TecMundo

A UA Band custará US$ 180 (cerca de R$ 720), mas, caso o usuário prefira, há a possibilidade de comprar o Health Box por US$ 400 (cerca de R$ 1,6 mil), um kit fitness que conta com uma balança smart (que conecta à rede da Under Armour e armazena os seus dados) e um cinto com medidor cardíaco. Ainda não há uma data confirmada de lançamento desses produtos.

Cupons de desconto TecMundo: