Como o seu relógio do Windows está sempre com a hora certa? Bem mais fácil de explicar e sem nenhum tipo de magia, a resposta é simples: existe um serviço (Windows Time Service) do sistema que se conecta com um servidor e retorna com o horário real. Contudo, esse recurso está atualmente com inconsistência e gerando vários problemas no mundo todo.

Você pode achar que uma hora errada não é nada demais, mas não é bem assim. Quando pensamos no lado “servidor” da computação, muitas operações, sites e mecanismos dependem do horário preciso. O problema é tão sério que pode se tornar um grande exploit para ataques externos, prejudicando a segurança de muitos data centers.

Os horários incompatíveis podem gerar inconsistências e, dessa forma, criando erros e brechas de segurança

A anomalia do serviço “time.windows.com” ainda não foi comentada pela Microsoft, mas diversos usuários estão reportando os empecilhos no Reddit e Twitter, relatando que a operação de data e horário do Windows está tão ruim que em alguns casos o sistema reporta minutos com 61 segundos, uma hora adiantada à real ou até mesmo fusos horários errados.

O problema provavelmente é por conta da perda de conexão dos servidores do Windows Time Service com fontes de sincronia externa, causando todo esse episódio que ainda não foi resolvido. Contudo, nada foi confirmado até o momento. Uma alternativa temporária é conectar à uma NTP (network time protocol) diferente, como as da NIST, NTP ou até da Google. Só é preciso se certificar de que elas são compatíveis com o seu sistema antes de alterar.

Uma das maneiras práticas para saber se você está sofrendo com isso é usar um comando de ping para os seus próprios servidores e ver qual “clockwork strata” retorna. Caso o resultado seja “stratum 16”, provavelmente há problemas de sincronização de horário. Por ora, basta esperar que a Microsoft resolva o problema.

Cupons de desconto TecMundo: