Os ataques DDoS que frustraram as jogatinas natalinas de muita gente certamente são pauta diária tanto na Sony quanto na Microsoft. As empresas definitivamente colocaram a segurança no topo das prioridades da agenda. A companhia de Bill Gates, por exemplo, não esconde esse objetivo em nova vaga anunciada no LinkedIn, que busca um engenheiro de software “expert”.

A descrição da oferta de emprego na rede social é enfática. “Você gostaria de construir um dispositivo tão seguro, mas tão seguro que seja um pesadelo aos hackers mais habilidosos e um deleite aos clientes? Você já pensou sobre como proteger um jogo ou app rodando numa plataforma Xbox ou impedir que alguém use cheats ao jogar online? Se sim, temos uma grande oportunidade para você”, diz.

Transformar o Xbox One no “sistema mais seguro e confiável do mundo”

É claro que ser o sistema “mais seguro e confiável do mundo” é, na verdade, um desafio para qualquer empresa. A Microsoft tem uma base estabelecida em escala mundial, com equipes de plantão em full time – tanto que a Xbox LIVE se recuperou com muito mais rapidez do que a PSN, por exemplo, e muito disso vem da infraestrutura sólida que a companhia de Bill Gates tem, construída ao longo da história.

“Buscamos um engenheiro criativo e talentoso que ajude a elevar a segurança a um novo patamar no Xbox One. Nossa missão é tornar o console o sistema mais seguro e confiável do mundo. (...) Se você adora desafiar problemas técnicos e de programação, esse trabalho é para você. Ele requer interações com o design de hardware e iniciativas cuidadosas com a operação do sistema e as modificações de driver para que os objetivos sejam atingidos. Esse é um grupo de ritmo rápido e com pessoas motivadas”, conclui a descrição.

Bem, nada mais natural. Ninguém quer um Natal sem jogatinas online novamente – nem empresas e nem consumidores.

Cupons de desconto TecMundo: