Sistemas de segurança em aeroportos e outros estabelecimentos até podem ser eficientes, mas são lentos e até invasivos. A busca por um projeto que supere esses pontos negativos é longa e parece não acabar nunca, mas uma solução que surgiu na Copa do Mundo de 2014 pode ser a resposta.

O nome do sistema é Qylatron Entry Experience Solution e ele parece uma colmeia futurista. O uso, entretanto, é o mais simples possível — especialmente porque é você que faz todo o serviço. Por enquanto, ele é testado em poucos

Como funciona

Em vez de um humano olhando sua mochila, você posiciona o ingresso em um leitor para ser identificado e coloca a mala em um dos cinco compartimentos do equipamento, que termina o serviço em alguns segundos.

Se houver alguma ameaça, a porta ganha a cor vermelha e a equipe de segurança começa a agir. Se ela ficar verde, basta retirar a mala e seguir viagem. Até cinco mochilas podem ser colocadas ao mesmo tempo, o que acelera o processo. Há sempre um operador conferindo o scanner.

A tecnologia usada não foi muito divulgada, mas há sensores químicos e de radiação, fora raios-X em vários ângulos. Na partida entre Espanha e Austrália pela Copa do Mundo de 2014, em Curitiba, ela identificou (e barrou) bonecos de cangurus levados irregularmente por alguns australianos.

Cupons de desconto TecMundo: