Polícia Federal estipula regras e sistemas de segurança para os bancos em todo o país (Fonte da imagem: Reprodução/VirtualBlog)

A reunião da Comissão Consultiva para Assuntos de Segurança Privada (Ccasp) realizada pela Polícia Federal nesta semana definiu uma série de multas que devem ser pagas pelos bancos em operação no Brasil por conta de falhas de segurança. De acordo com a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), o total das penalidades aplicadas a todos os 20 bancos multados chega a R$ 9,079 milhões, sendo que o Banco do Brasil (R$ 2,755 milhões), o Bradesco (R$ 1,733 milhão), o Itaú (R$ 1,669 milhão), o Santander (R$ 1,358 milhão) e a Caixa Econômica Federal (R$ 767 mil) foram os mais multados nessa rodada.

Para explicar a situação, a Febraban, a representante dos bancos, publicou uma nota dizendo que os valores são relativos a infrações cometidas há algum tempo. “Os problemas apontados são pontuais, em boa parte referentes a processos antigos, do ano de 2010.” A Febraban ainda comenta que isso não quer dizer que houve uma redução no investimento dos processos de segurança.

Todos os processos que acarretaram em multas para os bancos são referentes a infrações da Lei Federal nº 7.102/83, além de algumas determinações específicas da Polícia Federal. Assim, falta de segurança em agências em períodos específicos, transporte de valores por pessoal não especializado, alarmes e portas giratórias inoperantes e agências sem planos de segurança aprovados foram os grandes motivos para as multas.

E o app bugado do BB?

Como se trata de uma rodada de discussões sobre falhas antigas, nenhuma punição foi publicamente atribuída ao problema com o aplicativo do Banco do Brasil para Android e iOS que o Tecmundo reportou na última segunda-feira. Nenhum comentário foi feito pela Febraban sobre o caso ou ainda pela instituição financeira na repercussão da reunião.

De qualquer maneira, os bancos afirmam que, por conta dos recentes investimentos em segurança das agências, o número de assaltos e tentativas de assaltos a bancos diminuiu em todo o território nacional em 56% em 2013. Neste ano, o número foi de 440 ocorrências desse tipo, contando as bem-sucedidas e fracassadas juntas. Em 2012, foram 1.009 casos.

Cupons de desconto TecMundo: