Governo prepara legislação que pune espionagem eletrônica no Brasil

1 min de leitura
Imagem de: Governo prepara legislação que pune espionagem eletrônica no Brasil
Avatar do autor

(Fonte da imagem: Reprodução/Wikipedia)

Depois das denúncias de que os Estados Unidos estariam monitorando dados não apenas de civis, mas também de empresas estatais e do governo brasileiro, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, anunciou hoje que seu Ministério está trabalhando na preparação de uma legislação com o intuito de punir esse tipo de atividade em solo nacional.

De acordo com a Agência Brasil de Comunicações, a lei proposta pelo Ministério da Justiça visa disciplinar punições para atos de espionagem feitos em território nacional por pessoas coniventes com cidadãos de outros países.

“Nós temos a Lei de Segurança Nacional, mas, além de seu espírito defasado, ela não expressa situações que aconteceram depois da sua edição. É necessário que tenhamos leis de defesa do Estado Democrático brasileiro, que garantam essas situações de proteção da soberania nacional em relação a potências estrangeiras”, declarou o ministro Cardozo, durante audiência pública na Câmara dos Deputados.

Além disso, também está em fase final de discussão o projeto de lei que trata da proteção dos dados pessoais dos cidadãos brasileiros. O texto, considerado pelo ministro como “muito importante para as liberdades e garantias individuais”, deve ser analisado com rapidez pela Casa Civil, para que então possa ser enviado ao Congresso.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Governo prepara legislação que pune espionagem eletrônica no Brasil