Apple cria Guia de Segurança para usuários de AirTags

1 min de leitura
Imagem de: Apple cria Guia de Segurança para usuários de AirTags
Imagem: Fonte: Reprodução: Jonas Elia/Unsplash
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Na terça-feira (25), a Apple atualizou o seu Guia de Segurança Pessoal com dicas para os usuários da AirTag, o dispositivo de localização da empresa. Após relatos de pessoas sendo perseguidas ao utilizarem o dispositivo, a Apple lançou recomendações específicas para garantir a segurança utilizando esta e outras tecnologias de rastreamento.

A AirTag pode ser fixada a itens importantes como chaves, carteira, bolsas e permite que esses objetos sejam rastreados. Entretanto, a partir do aplicativo é possível encontrar outros AirTags próximos, conferir o número de série e tentar devolvê-lo ao proprietário. O problema é que já foram relatados alguns casos de perseguição e tentativas de roubos utilizando as AirTags.

No app de rastreamento do AirTag, é possível encontrar Tags próximos a vocêNo app de rastreamento do AirTag, é possível encontrar Tags próximos a vocêFonte:  Reprodução: Ð?c Tr?nh/Unsplash 

Em uma reportagem da NBC, uma mulher nos EUA contou ter recebido uma notificação de que uma AirTag desconhecida estava com ela ao sair de um bar. Após procurar em sua bolsa e não encontrar nada, no dia seguinte a mulher descobriu que a AirTag estava em seu carro.

No Guia, a Apple explica como as AirTags funcionam e trata de questões como bloquear tentativas de login desconhecido, como armazenar dados com segurança no iCloud, como configurar o Touch e o FaceID e controlar como outras pessoas podem acessar sua localização.

Imagem:  Apple Airtag
Imagem: Tecmundo Recomenda

Apple Airtag

Use o AirTag para encontrar suas chaves, carteira, bagagem, mochila e muito mais no app Buscar. Você pode fazer o AirTag emitir um bipe com o alto-falante integrado ou dizer algo como “E aí, Siri, encontra minha mochila”.