FBI alertou rapper Jay-Z de que seu e-mail seria hackeado

1 min de leitura
Imagem de: FBI alertou rapper Jay-Z de que seu e-mail seria hackeado
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

Ataques hackers são relativamente comuns nos dias atuais e, recentemente, até o site do ex-presidente dos EUA, Donald Trump, foi hackeado. Dessa vez, a vítima de uma tentativa de roubo de informações foi o rapper americano Jay-Z, mas o FBI (Federal Bureau of Investigation) avisou o músico antes de ser tarde demais.

De acordo com informações do site Complex, agentes do FBI se aproximaram do cantor para avisar de um hack iminente em sua conta de e-mail. A agência pediu para Jay-Z deletar as mensagens com as informações mais valiosas.

Hackeado por parceiros?

Isso tudo aconteceu pouco depois que o rapper foi processado pela perfumaria Parlux Fragances, que estava preparando o lançamento de um perfume em parceria com o cantor. A empresa de fragrâncias revelou que Jay-Z não cumpriu suas obrigações contratuais durante o período de parceria.

Já Jay-Z afirmou que a marca fez um péssimo trabalho enquanto eram parceiros e criticou ferrenhamente os métodos de publicidade da Parlux. "Sempre tive problemas com a qualidade do trabalho preguiçoso que vinha de Parlux", disse o cantor.

Outro caso que pode ter relação com o hack é o processo envolvendo Jay-Z e Damon Dash, o ex-confundador da produtora Roc-A-Fella acusado de tentar vender os direitos autorais do primeiro álbum do rapper — lembrando que a Roc-A-Fella é de Jay-Z.

Fontes